Taylor Swift ganha prêmio principal no American Music Awards

 A premiação aconteceu neste domingo (24) no Nokia Theatre, em Los Angeles. A dona do hit "Trouble" levou o prêmio de artista do ano e mais três troféus


A premiação aconteceu neste domingo (24) no Nokia Theatre, em Los Angeles. A dona do hit “Trouble”  levou o prêmio de artista do ano e mais três troféus

A cantora country-pop Taylor Swift foi o destaque do American Music Awards, no domingo, levando para casa quatro troféus, inclusive o de artista do ano, numa cerimônia que reuniu alguns dos maiores nomes da música pop para a entrega de prêmios decididos pelos fãs.

Swift, de 23 anos, derrotou Justin Timberlake, Rihanna, Bruno Mars e Macklemore & Ryan Lewis, recebendo assim pela terceira vez o prêmio de artista do ano – um recorde nessa categoria. Ela também ganhou como melhor artista feminina de pop/rock, artista country feminina e álbum country do ano, o melancólico “Red”.

“Isso valida que, se você votou, nós estamos na fossa do mesmo jeito, e nos apaixonamos do mesmo jeito, e ficamos felizes do mesmo jeito, e se você escutar, estamos na mesma página… estamos nessa juntos”, disse Swift, sem fôlego, ao receber o prêmio final.

Timberlake, de 32 anos, que voltou aos holofotes musicais em 2013 com “The 20/20 Experience” após um hiato de cinco anos, foi indicado em cinco categorias e ganhou três, incluindo de artista masculino de pop/rock. Ele cantou “Drink You Away” ao vivo com sua banda, a Tennessee Kids.

A novata banda de hip-hop Macklemore & Ryan Lewis, que liderava em número de indicações (seis), ficou com dois troféus, inclusive o de melhores artistas de rap/hip-hop. Eles usaram o discurso para tratar de uma questão social.

Martin, um adolescente negro, foi morto em 2012 por um morador de um condomínio da Flórida que desconfiou dele. Martin estava desarmado, e o caso provocou grande repercussão, mas o autor do disparo, um hispânico branco, foi absolvido.

Os indicados e vencedores do American Music Awards são escolhidos pelo público, em votação via Internet. A cerimônia de entrega, realizada no teatro Nokia, em Los Angeles, e transmitida pela ABC, durou três horas.

A “boy band” britânica One Direction –que teve fãs enlouquecidas tentando ver os rapazes no tapete vermelho da entrada– derrotou Swift e Timberlake na disputa por melhor álbum de pop/rock, com “Take Me Home”, e também ganharam o troféu de melhor grupo de pop/rock.

Outros vencedores incluíram Luke Bryan (artista country masculino), o DJ sueco Avicii (artista de dance music) e o cantor Marc Anthony (artista latino).

Rihanna, de 25 anos, apresentada pelo humorista político Bill Maher como “a voz do século 21”, ganhou o primeiro troféu por conjunto da obra na história do AMA, o chamado prêmio Ícone.

Quem entregou o troféu à artista –que usava um decote abismal– foi a mãe dela, Monica Fenty, que destacou a maneira como Rihanna soube superar adversidades sendo “tão forte, tão positiva, tão humilde e tão focada”.

Outros artistas que se apresentaram na cerimônia foram Katy Perry, Lady Gaga, Miley Cyrus e Christina Aguilera. Uma ausência notável foi a de Justin Bieber, grande ganhador do ano passado, mas que não foi indicado em nenhuma categoria neste ano. (iG)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s