Instagram admite ter errado ao tirar do ar foto de bumbum

Cantora, compositora e personalidade Meghan Tonjes ficou revoltada ao ver que foto fora removida do Instagram e compartilhou discurso inflamado no YouTube

Cantora, compositora e personalidade Meghan Tonjes ficou revoltada ao ver que foto fora removida do Instagram e compartilhou discurso inflamado no YouTube

São Paulo – Cantora, compositora e personalidade na web, Meghan Tonjes ficou revoltada ao ver que uma foto sua fora removida do Instagram. Tanto que compartilhou um discurso inflamado no YouTube – e conseguiu, com ele, arrancar um pedido de desculpas da companhia e ver a imagem repostada.

A postagem em questão mostrava o bumbum da cantora norte-americana. Nada de mais, especialmente se considerarmos que outras personalidades e páginas vivem compartilhando fotos com o mesmo tipo conteúdo.

O problema é que, enquanto outros posts continuaram no ar, o de Meghan foi removido por ter sido denunciado como conteúdo impróprio por algum usuário.

No vídeo-desabafo, a cantora, que diz se orgulhar do próprio corpo, deduziu que a imagem “ofendera” alguém, e essa pessoa (ou essas) foi quem solicitou a remoção.

Por ser automatizado, o sistema do Instagram não hesitou em apagar a foto e depois notificar a dona da conta por e-mail. Tudo seguindo as “diretrizes para a comunidade”, que proíbem a postagem de fotos que não são do usuário, o abuso de indivíduos ou grupos e o compartilhamento de material ilegal, imagens com violência, nudez ou conteúdo adulto, o “mature content”.

Como a própria cantora afirma no vídeo, a culpa da remoção não é exatamente da rede social. O problema está mesmo no tratamento diferente dado pela comunidade à imagem, que não retratava o bumbum de uma modelo e, por isso, era de alguma forma ofensiva.

E como o Instagram não tem um sistema “humano” – ou mesmo um serviço de atendimento ao cliente –, esse tipo de preconceito acaba ignorado.

Por fim, Meghan propõe que o Instagram ou acabe de vez com postagens “eróticas”, envolvendo partes do corpo, ou dê um jeito de proteger todos os usuários de forma igualitária. “Não gosto desses padrões duplos”, declarou ela no vídeo. “Não gosto quando um site não toma alguma atitude direta para definir suas próprias regras, e para aplicá-las de forma justa.”

Ao site Today, aliás, o Instagram disse que trabalha duro para “encontrar um bom equilíbrio entre permitir que as pessoas se expressem criativamente e manter a rede social como um local divertido e seguro. Nossas diretrizes limitam nudez e conteúdo adulto, mas nós reconhecimentos que nem sempre acertamos. Nesse caso, cometemos um erro e restauramos o conteúdo”.

Vale checar o vídeo completo da cantora, em inglês – e se não conseguir muito bem o que ela diz, dê uma olhada na transcrição feita pelo Upworthy. (Gustavo Gusmão, de Info)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s