EUA estão ligando mais para o futebol em 2014


Nova York – Mais roupas da seleção dos EUA foram vendidas no site Fanatics.com nos cinco primeiros dias da Copa do Mundo de 2014 do que durante toda a Copa de 2010, de acordo com o maior varejista on-line de mercadorias esportivas oficialmente aprovado do mundo. Mercadorias com o capitão da seleção americana, Clint Dempsey, que marcou o quinto gol mais rápido da história da Copa do Mundo numa vitória de 2 a 1 contra Gana, no dia 16 de junho, são as segundas mais vendidas, atrás somente das do atacante brasileiro Neymar.

Ambos estão entre os 10 principais atletas de todos os esportes, de acordo com a empresa com sede em Jacksonville, Flórida, que não divulga números. O crescente apoio à seleção dos EUA chamou a atenção dos jogadores, disse o meio-campista Alejandro Bedoya, um dia depois da vitória contra Gana. Esse jogo produziu as maiores audiências da ESPN desde a partida da final do campeonato de futebol americano universitário em janeiro.

“Acordei e vi no Instagram e no Twitter as publicações e os vídeos que mostravam a reação das pessoas nos bares e pubs e no evento que fizeram em Chicago”, disse Bedoya. “É incrível que sejamos parte desse movimento de ascensão do futebol nos EUA. É muito legal e tenho certeza que todo mundo se alimenta dessa energia”. O Brasil, que recebe o campeonato pela primeira vez desde 1950, venceu a Croácia na abertura da Copa do Mundo antes de empatar com o México, há três dias.

A Holanda marcou a maior quantidade de gols até o momento na Copa: oito em duas partidas.

Atacantes na liderança

Depois de Neymar e Dempsey, os jogadores que mais vendem são os atacnantes Robin van Persie, da Holanda, Thomas Müller, da Alemanha, Cristiano Ronaldo, de Portugal, e Lionel Messi, da Argentina. Esses rankings incluem a venda de camisas e camisetas dos times.

A Fanatics.com vendeu mercadorias da Copa do Mundo em 37 países desde que o evento começou, no dia 12 de junho. A empresa opera lojas on-line para as ligas e os times norte-americanos, incluindo a National Football League (NFL) e a National Basketball Association (NBA).

Os EUA vão chegar às oitavas de final se ganharem de Portugal no dia 22 de junho e se a Alemanha não perder para Gana, num jogo do mesmo dia. A seleção dos EUA, que finaliza os jogos do seu grupo numa partida contra a Alemanha no dia 26 de junho, nunca conseguiu ir além da fase de grupos em duas Copas do Mundo consecutivas.

Há quatro anos, na África do Sul, os EUA perderam nas oitavas de final para Gana. Foi a terceira vez que a seleção conseguiu passar da fase de grupos desde que ficou em terceiro lugar na primeira Copa do Mundo, em 1930.

Nova York é o principal mercado de vendas da Fanatics, seguida por Los Angeles, São Francisco, Washington e Chicago. (Eben Novy-Williams, da Bloomberg)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s