Você conseguiria passar 99 dias sem usar o Facebook?

Agência holandesa propõe desafio aos usuários do Facebook e promete economia de até 28 horas a quem aderir à brincadeira. E você, vai tentar?

Agência holandesa propõe desafio aos usuários do Facebook e promete economia de até 28 horas a quem aderir à brincadeira. E você, vai tentar?

São Paulo – Um novo site criado pela agência holandesa Just propõe aos usuários do Facebook um desafio interessante: passar 99 dias sem acessar a rede social. Será que você conseguiria?

As instruções para os interessados estão no site (em inglês), batizado de “99 dias de liberdade”. Antes de tudo, o usuário deve adotar uma imagem de perfil padrão – que informa a seus amigos que ele está participando do desafio.

Depois disso, o internauta deve informar um endereço de e-mail. Por meio dele, a Just irá enviar ao participante questionários 33, 66 e 99 dias após a adesão ao desafio para medição de seu nível de satisfação com a experiência.

Considerando que os usuários do Facebook passam, em média, 17 minutos por dia no site, a Just promete uma economia de 28 horas para quem aderir a seu experimento. Até o momento, mais de 2.500 pessoas toparam o desafio.

Ideia

De acordo com Merijn Straathof, diretor de arte da Just, a ideia do desafio surgiu após discussões sobre experimentos realizados pelo Facebook e divulgados recentemente.

Nestas experiências, 689 mil usuários tiveram seus timelines preenchidos exclusivamente com conteúdo positivo ou negativo. O objetivo era medir a influência do Facebook no humor dos internautas, que não foram informados sobre o experimento.

“Enquanto discutíamos, percebemos uma tendência interessante: todo mundo tem uma relação, no mínimo, complicada com o Facebook”, afirma Straathof.

Descontentamento

“Por terem sido marcadas em fotos indesejadas, discutido com outros usuários ou simplesmente terem perdido tempo demais, várias pessoas têm um surpreendente grau de descontentamento com o Facebook”, diz o holandês.

Embora seja uma crítica bem-humorada ao uso exagerado do site, Straathof garante que a brincadeira criada pela Just não é um protesto contra o Facebook nem nada do tipo.

“Nossa previsão é de que o experimento produza várias experiências pessoais positivas”, afirma o holandês. E você, vai encarar? Com informações de Saulo Pereira Guimarães, de Exame.com

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s